Carmen Locatelli
A intensidade do medo define o valor de seus sonhos!
Capa Meu Diário Textos E-books Fotos Perfil Livro de Visitas Contato Links
ALUSÃO AO SABER

Pedaços pequenos de sabedoria procuro alcançar
Pedaços singelos que se ocultam entre livros empoeirados,
Entre estantes vazias; folhas rasas que pouco se sabe ler
Uma imensidão que se esconde na ignorância humana.
Uma alusão as verdades da nossa própria decadência.
Este alento que desperdiça mais de nosso fôlego,
No além mar das injustiças mundanas e modernas
Permitimo-nos enganar mais um pouco,
O suficiente para aprender a amar sem sofrer
O suficiente talvez para não atirar em nosso próprio pé
Esta sabedoria que se achega de mansinho,
Nem é percebida... nem acolhida é.
Esquecemo-la em qualquer vale sombrio,
Abandonamo-la em uma vala vazia.
O tempo suficiente para aprender o necessário
É o mesmo tempo desperdiçado na ilusão do falso saber
Queiramos por um momento nos deixar amar pelo saber,
E este amor inteligente durará para sempre.
Eis o começo do viver; eis o fim do sofrer!

Carmen Locatelli
Enviado por Carmen Locatelli em 26/09/2011
Alterado em 06/10/2011
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.